Autor Tópico: Rádio GPT  (Lida 1788 vezes)

Luis P Borges

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 167
Rádio GPT
« em: Outubro 03, 2023, 04:49:13 pm »
Nunca se falou tanto de Inteligência Artificial este ano, muito à conta do ChatGPT, e a sua utilização numa plataforma  escrita. Mas também já existe, uma espécie de irmã, para o universo sonoro, nomeadamente o falado, a 'Rádio GPT', que promete revolucionar o mundo da rádio, capaz de rivalizar com uma rádio tradicional, como hoje a conhecemos, capaz de fazer quase tudo, a que mais me intrigou foi, ser capaz de dialogar com os ouvintes. Com vozes digitalizadas, capaz de tratar noticias, anunciar músicas, criar playlists, 'falar' de qualquer assunto, tudo o que, por exemplo uma rádio generalista faz. Não creio é que conseguisse fazer um direto, ou conseguisse fazer um relato de futebol. Neste momento, um projeto de IA, serviria a rádios  de música, com boletins de informação, curiosidades, sugestões...como por exemplo a Smooth FM.

Uma Rádio fundada pela IA é uma rádio: sem pessoas, sem microfones, sem estúdios, uma rádio despida de rádio, vazia, oca. Será também uma rádio sem os custos que as rádios tradicionais têm, e por esse lado, mais ano menos ano, haverá muitas rádios, a funcionar sem gente dentro, feita à base de algoritmos.

Em relação à Inteligência Artificial e o seu desenvolvimento. Fala-se em criar regulação, mas alguém acredita nisso...não haverá regulação que a trave, serão,  pagos uns milhões pelos direitos de autor, uma pechincha pelo o que dará em retorno às empresas tecnológicas. A mim, o que me tem feito pensar, é no que diz respeito às novas gerações, que motivação terão em seguir um curso?... sabendo à partida que não sevirá para nada, nunca conseguirão competir, fazer melhor que a IA apoiada pelos computadores quanticos e afins. Talvez seja melhor começarem a pensar em seguir um curso, que exija alguma habilidade fisica, ou mesmo esquecerem o curso, e tentarem ser bons jogadores de futebol, por exemplo, dedicarem-se ao desporto, nesta altura os robôs ainda estão atrasados em Relação à IA.

https://www.mundoconectado.com.br/tecnologia/efeito-chatgpt-surge-a-primeira-plataforma-de-radio-produzida-por-inteligencia-artificial/


A RádioGPT

https://listen.streamon.fm/radiogpt
« Última modificação: Outubro 03, 2023, 04:53:04 pm por Luis P Borges »

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 862
Re: Rádio GPT
« Responder #1 em: Outubro 03, 2023, 06:53:25 pm »
Já se fala de Inteligência Artificial há décadas, mas numa ótica de futuro distante, algo que se considerava ainda no âmbito da ficção científica. O ChatGPT, e serviços equivalentes, conhecidos desde dezembro do ano passado, vem mostrar que estamos no início da 4.ª Revolução Industrial, o processo é irreversível e avança com uma aceleração, para muitos, inesperada. Ainda não há muito tempo se falava nos desafios científicos para descobrir um algoritmo mestre fiável. É passado, já foi desenvolvido. Estamos no início de uma era em que a realidade supera a ficção, conhecida da cultura popular.
Ainda em dezembro do ano passado o meu filho e malta nova amiga, mostravam-me tarefas que estes sistemas de IA fazem que não julgava possível. Tudo fake, mas parece real. Trabalhos escolares feitos num ápice. Quanto a robôs, é apenas o começo (o protótipo de um telemóvel GSM ocupava uma carrinha Ford Transit):

Boston Dynamics

Isto é o que se sabe, é público. O que não se sabe, que está em desenvolvimento, ou é segredo da indústria, dá que pensar.

No futuro próximo os humanos vão interagir com máquinas como se fossem outros humanos (inteligência artificial aliada à robótica). Muitos postos de trabalho vão ser substituídos por máquinas inteligentes, inclusive nos locais mais inesperados do dia-a-dia. Com 8 mil milhões de humanos no planeta, os postos de trabalho tradicionais a extinguirem-se, é de ficar apreensivo com o vai resultar daqui.
Na rádio, basta uma arrecadação de um qualquer sítio, equipada com os sistemas IA adequados, que sintetizam o timbre e textura de voz para endrominar as massas, diz aquilo que querem ouvir e seleciona a banda sonora da preferência da maioria, a somar a leitura das notícias extraídas de uma qualquer base de dados, para fazer frente à fraca rádio portuguesa de hoje, sem nenhum carisma. A maioria não vai notar a diferença, se calhar até prefere. É assustador e, doravante, possível.

Retire a ‘SmoothFM’ desta equação, s.f.f. A melhor rádio low-cost de sempre.

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5381
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Rádio GPT
« Responder #2 em: Outubro 03, 2023, 07:03:10 pm »
Já se fala de Inteligência Artificial há décadas, mas numa ótica de futuro distante, algo que se considerava ainda no âmbito da ficção científica. O ChatGPT, e serviços equivalentes, conhecidos desde dezembro do ano passado, vem mostrar que estamos no início da 4.ª Revolução Industrial, o processo é irreversível e avança com uma aceleração, para muitos, inesperada. Ainda não há muito tempo se falava nos desafios científicos para descobrir um algoritmo mestre fiável. É passado, já foi desenvolvido. Estamos no início de uma era em que a realidade supera a ficção, conhecida da cultura popular.
Ainda em dezembro do ano passado o meu filho e malta nova amiga, mostravam-me tarefas que estes sistemas de IA fazem que não julgava possível. Tudo fake, mas parece real. Trabalhos escolares feitos num ápice. Quanto a robôs, é apenas o começo (o protótipo de um telemóvel GSM ocupava uma carrinha Ford Transit):

Boston Dynamics

Isto é o que se sabe, é público. O que não se sabe, que está em desenvolvimento, ou é segredo da indústria, dá que pensar.

No futuro próximo os humanos vão interagir com máquinas como se fossem outros humanos (inteligência artificial aliada à robótica). Muitos postos de trabalho vão ser substituídos por máquinas inteligentes, inclusive nos locais mais inesperados do dia-a-dia. Com 8 mil milhões de humanos no planeta, os postos de trabalho tradicionais a extinguirem-se, é de ficar apreensivo com o vai resultar daqui.
Na rádio, basta uma arrecadação de um qualquer sítio, equipada com os sistemas IA adequados, que sintetizam o timbre e textura de voz para endrominar as massas, diz aquilo que querem ouvir e seleciona a banda sonora da preferência da maioria, a somar a leitura das notícias extraídas de uma qualquer base de dados, para fazer frente à fraca rádio portuguesa de hoje, sem nenhum carisma. A maioria não vai notar a diferença, se calhar até prefere. É assustador e, doravante, possível.

Retire a ‘SmoothFM’ desta equação, s.f.f. A melhor rádio low-cost de sempre.

Toda a gente acha o Sr. Musk um anormal, mas foi, até ver, a única grande voz da indústria a se manifestar no sentido de se suspenderem todos os desenvolvimentos nesta matéria para que se possa legislar convenientemente até onde queremos que a IA possa ir. Ainda somos donos da mesma, podemos dizer, a partir desta fronteira, não pretendemos que ultrapasses.
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3015
Re: Rádio GPT
« Responder #3 em: Outubro 03, 2023, 10:37:10 pm »
Até haver alguém que se borrifa para isso e a ultrapassa...

joao_s

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 862
Re: Rádio GPT
« Responder #4 em: Outubro 03, 2023, 11:40:58 pm »
… ‘MemRadio’, tenha em conta que a IA de hoje (seguramente, sistemas desconhecidos da maioria) está a desenvolver a tecnologia de amanhã. O sistema AI acede a todo o conhecimento produzido de forma instantânea, dá-lhe significado, interpreta, trata e aprende (refaz, acrescenta, atualiza algoritmos de forma autónoma, sem intervenção humana), portanto, é imprevisível o que aí vem. A IA vai produzir novos conhecimentos. Num documentário produzido pelo operador público alemão ZDF sobre este tema, vários cientistas e filósofos argumentavam que a humanidade está a ir demasiado longe neste aspeto, os impactos sociais e outros não estão a ser devidamente medidos e acautelados. A realidade começa a ultrapassar a ficção.

Luis P Borges

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 167
Re: Rádio GPT
« Responder #5 em: Outubro 04, 2023, 04:55:50 pm »
Já se fala de Inteligência Artificial há décadas, mas numa ótica de futuro distante, algo que se considerava ainda no âmbito da ficção científica. O ChatGPT, e serviços equivalentes, conhecidos desde dezembro do ano passado, vem mostrar que estamos no início da 4.ª Revolução Industrial, o processo é irreversível e avança com uma aceleração, para muitos, inesperada. Ainda não há muito tempo se falava nos desafios científicos para descobrir um algoritmo mestre fiável. É passado, já foi desenvolvido. Estamos no início de uma era em que a realidade supera a ficção, conhecida da cultura popular.
Ainda em dezembro do ano passado o meu filho e malta nova amiga, mostravam-me tarefas que estes sistemas de IA fazem que não julgava possível. Tudo fake, mas parece real. Trabalhos escolares feitos num ápice. Quanto a robôs, é apenas o começo (o protótipo de um telemóvel GSM ocupava uma carrinha Ford Transit):

Boston Dynamics

Isto é o que se sabe, é público. O que não se sabe, que está em desenvolvimento, ou é segredo da indústria, dá que pensar.

No futuro próximo os humanos vão interagir com máquinas como se fossem outros humanos (inteligência artificial aliada à robótica). Muitos postos de trabalho vão ser substituídos por máquinas inteligentes, inclusive nos locais mais inesperados do dia-a-dia. Com 8 mil milhões de humanos no planeta, os postos de trabalho tradicionais a extinguirem-se, é de ficar apreensivo com o vai resultar daqui.
Na rádio, basta uma arrecadação de um qualquer sítio, equipada com os sistemas IA adequados, que sintetizam o timbre e textura de voz para endrominar as massas, diz aquilo que querem ouvir e seleciona a banda sonora da preferência da maioria, a somar a leitura das notícias extraídas de uma qualquer base de dados, para fazer frente à fraca rádio portuguesa de hoje, sem nenhum carisma. A maioria não vai notar a diferença, se calhar até prefere. É assustador e, doravante, possível.

Retire a ‘SmoothFM’ desta equação, s.f.f. A melhor rádio low-cost de sempre.

Só referi a Smooth Fm, por ser uma rádio fácil de replicar por um algoritmo IA. Qual é o conteúdo da SmoothFM?... Slogans, a meu ver, muito fracos, sugestões, Boletins curtos de noticias, no espaço da manhã, algumas rubricas...tudo facilmente replicável. É uma rádio Low Cost, sim, mas não mais low cost que uma baseada em IA. Agora, replicar uma rádio como a Rádio Comercial, o programa da manhã, que vive do humor de Nuno Markl e Vasco Palmeirim. Não estou a ver para já que possam ser recriados: o humor, a sensibilidade a ironia, o sentido critico...não estou a ver que um algoritmo, para já, possa recriar estas carateristicas de um ser humano. A IA de agora aplicável à rádio de palavra - uma rádio em que haja interação, opiniões, crónicas, debate... - ainda terá muitas limitações. Chegará o dia em que poderá ter uma palavra a dizer nesse dominio. 
« Última modificação: Outubro 04, 2023, 04:59:48 pm por Luis P Borges »

Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3015
Re: Rádio GPT
« Responder #6 em: Outubro 04, 2023, 05:32:23 pm »
A SmoothFM e a Batida são as duas maiores candidatas a funcionar com a IA. Suspeito é que as licenças ainda custem um pedaço bom, e seja por isso que não vemos em Portugal.

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5381
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Rádio GPT
« Responder #7 em: Outubro 04, 2023, 10:13:41 pm »
Para mim, é simples. Alteração à Lei da Rádio "Não será admissível a emissão com recurso a Inteligência Artificial [nos horários compreendios entre...].". Mais, a IA não fala sozinha, replica a voz de alguém. O Diogo Pires falou sobre isto numa das suas crónicas no site dele há uns tempos, revejo-me integralmente naquelas palavras.
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

Asantosc12

  • Global Moderator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 690
Re: Rádio GPT
« Responder #8 em: Outubro 19, 2023, 07:03:05 pm »
Existe uma rádio local em Portugal, em que as noticias são feitas com voz artificial da internet. Ainda tentam disfarçar com a velocidade da fala, mas dá para perceber bem. Já apanhei trilhas e publicidade igualmente. Quem não tem cão, caça com gato.

pdf

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 673
Re: Rádio GPT
« Responder #9 em: Outubro 19, 2023, 07:55:09 pm »
Existe uma rádio local em Portugal, em que as noticias são feitas com voz artificial da internet. Ainda tentam disfarçar com a velocidade da fala, mas dá para perceber bem. Já apanhei trilhas e publicidade igualmente. Quem não tem cão, caça com gato.
Qual?

Fiquei curioso…


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3015
Re: Rádio GPT
« Responder #10 em: Março 12, 2024, 05:58:46 pm »
Existe uma rádio local em Portugal, em que as noticias são feitas com voz artificial da internet. Ainda tentam disfarçar com a velocidade da fala, mas dá para perceber bem. Já apanhei trilhas e publicidade igualmente. Quem não tem cão, caça com gato.
Qual?

Fiquei curioso…


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk

Penso que era a própria Azeméis FM ou a outra em 97.1...

ouvinte

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 361
Re: Rádio GPT
« Responder #11 em: Março 12, 2024, 10:37:58 pm »
Já me falaram da Rádio Cavado e da 94 Leiria.

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5381
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Rádio GPT
« Responder #12 em: Março 13, 2024, 12:34:01 am »
Andaram a ouvir os tempos de antena do ADN, feitos com IA. 😂😂
Já agora, existiram anúncios sobre o "bumbum Brasil" a passar numa nacional que eram claramente feitos por IA. Neste caso, mesmo sendo um espaço pago, acho que se deveria evitar este tipo de conteúdo mal feito. Jornais feitos por IA... qual é o objetivo? Se o jornalista tem de esceever a notícia, porque não a lê?
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.