Autor Tópico: Eleições Legislativas 2024  (Lida 2583 vezes)

Atento

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5880
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #15 em: Fevereiro 25, 2024, 09:15:32 pm »
Sobre o debate das rádios, André Ventura é baixa.
Anda pelo Norte em campanha, e parece que as rádios não estiveram  disponíveis para ele estar nos estúdios do Porto...

É um medricas.

Esperemos que Pedro Nuno Santos também não fuja...

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5460
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #16 em: Fevereiro 25, 2024, 10:28:03 pm »
Sobre o debate das rádios, André Ventura é baixa.
Anda pelo Norte em campanha, e parece que as rádios não estiveram  disponíveis para ele estar nos estúdios do Porto...

É um medricas.

Esperemos que Pedro Nuno Santos também não fuja...

Também não vejo que fosse um problema de maior permitirem que entrasse em direto da Conceição Fernandes, da António Luís Gomes ou da Pedro Hispano. Efetivamente o Aventura anda aqui pelo Norte. Não faz grande falta, diga-se, o debate vai ser mais cordial.
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

Atento

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5880
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #17 em: Fevereiro 25, 2024, 11:15:04 pm »
Sobre o debate das rádios, André Ventura é baixa.
Anda pelo Norte em campanha, e parece que as rádios não estiveram  disponíveis para ele estar nos estúdios do Porto...

É um medricas.

Esperemos que Pedro Nuno Santos também não fuja...

Também não vejo que fosse um problema de maior permitirem que entrasse em direto da Conceição Fernandes, da António Luís Gomes ou da Pedro Hispano. Efetivamente o Aventura anda aqui pelo Norte. Não faz grande falta, diga-se, o debate vai ser mais cordial.


Talvez esteja im pouco apertado com a investigação do jornal O Público e com os tiros imaginários...

O Bigode do Sala

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 798
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #18 em: Fevereiro 26, 2024, 08:02:59 am »
Sobre o debate das rádios, André Ventura é baixa.
Anda pelo Norte em campanha, e parece que as rádios não estiveram  disponíveis para ele estar nos estúdios do Porto...

O debate da rádio torna mais difícil a execução de TikToks e de vídeos do Gonçalo Sousa com títulos em maiúsculas do género: «ANDRÉ VENTURA ARRASA...».

Apesar de achar que os populismos têm que ser combatidos pela democracia das palavras, dando-lhes essa responsabilidade, este debate será um descanso.
«O que acontece no Mundo é que toda a gente que nasce, nasce de alguma maneira poeta! Inventor de algo que não havia no Mundo antes de eles nascerem!
E inteiramente individual: cada um poeta que é!»

Agostinho da Silva

SamM

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 399
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #19 em: Fevereiro 26, 2024, 09:54:24 am »
Todas as rádio deveriam transmitir o debate. A retransmissão devia ser uma ação conjunta do maior número de estações possível.
Era o que faltava as rádios locais transmitirem os  debates...Então não servem para os tempos de antena já servem para os debates.

Certeiro.

radiokilledtheMTVstar

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3609
  • "Quintão e Costa, a dupla que o povo gosta!"
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #20 em: Fevereiro 26, 2024, 10:09:59 am »
Sobre o debate das rádios, André Ventura é baixa.
Anda pelo Norte em campanha, e parece que as rádios não estiveram  disponíveis para ele estar nos estúdios do Porto...

O debate da rádio torna mais difícil a execução de TikToks e de vídeos do Gonçalo Sousa com títulos em maiúsculas do género: «ANDRÉ VENTURA ARRASA...».

Apesar de achar que os populismos têm que ser combatidos pela democracia das palavras, dando-lhes essa responsabilidade, este debate será um descanso.

É isso mesmo, e já "ninguém vê rádio" segundo os Tiagovskis da vida que o adoram.

Atento

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5880
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #21 em: Fevereiro 26, 2024, 11:59:40 am »
Vencedores: a Rádio (19),  Rui Pedro Antunes (17)  Natália Carvalho (15)

Derrotados: Ventura (0) Judith Menezes e Sousa (7), Susana Madureira Martins (6)

O Bigode do Sala

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 798
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #22 em: Fevereiro 26, 2024, 12:44:49 pm »
Em jeito de balanço, gostei do debate.
Foi cordial entre todos, provando que a rádio é um meio especialmente diferente.

Acho que os 4 moderadores tiveram bem, destacando a Natália Carvalho que soube gerir tempos e inícios de atropelos e o Rui Pedro Antunes que, mesmo sendo algumas vezes advertido pela colega supracitada sobre os tempos, esteve preparado e trouxe ao debate alguma leveza sem cair no vazio.

A meio do debate, desliguei a miniatura com o vídeo do debate e apenas o escutei, para sentir o que é de facto um debate na rádio.

Apesar de não achar correcto dar notas, obviamente que tecerei uma consideração negativa a André Ventura por ter falhado ao debate. Mesmo estando a Norte, podia se deslocar aos estúdios da RTP, TSF e Rádio Renascença no Porto, ou ao Centro de Emissão Regional da RTP de Bragança, caso lhe fosse mais conveniente.
«O que acontece no Mundo é que toda a gente que nasce, nasce de alguma maneira poeta! Inventor de algo que não havia no Mundo antes de eles nascerem!
E inteiramente individual: cada um poeta que é!»

Agostinho da Silva

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5460
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #23 em: Fevereiro 26, 2024, 01:15:36 pm »
Em jeito de balanço, gostei do debate.
Foi cordial entre todos, provando que a rádio é um meio especialmente diferente.

Acho que os 4 moderadores tiveram bem, destacando a Natália Carvalho que soube gerir tempos e inícios de atropelos e o Rui Pedro Antunes que, mesmo sendo algumas vezes advertido pela colega supracitada sobre os tempos, esteve preparado e trouxe ao debate alguma leveza sem cair no vazio.

A meio do debate, desliguei a miniatura com o vídeo do debate e apenas o escutei, para sentir o que é de facto um debate na rádio.

Apesar de não achar correcto dar notas, obviamente que tecerei uma consideração negativa a André Ventura por ter falhado ao debate. Mesmo estando a Norte, podia se deslocar aos estúdios da RTP, TSF e Rádio Renascença no Porto, ou ao Centro de Emissão Regional da RTP de Bragança, caso lhe fosse mais conveniente.
No geral, foi um debate que, devido aos protagonistas políticos, não proporcionaram nenhuma novidade relevante que fizesse um eleitor optar por uma ou outra proposta. Daria um grande empate a todos, não houve nenhum que se destacasse ou que estivesse pessimamente.
A rádio por não estar tão sujeita ao mediatismo, trouxe novos temas, que não rendem tanta audiência, nomeadamente a Pobreza, Segurança Social, Política Externa, Sistema Eleitoral e Uso de Telemóveis nas Escolas.

Achei q.b. deselegante o ligeiro aparte que referes da Natália Carvalho ao Rui Pedro Antunes, um tanto de paternalismo da decana Antena 1 sobre a Observador.

Quanto à participação do André Ventura, parece que foram as rádios que recusaram que este se deslocasse a um dos estúdios na cidade do Porto, e nisso, estiveram mal, dado que na TV abriram essa possibilidade ao Luís Montenegro.
« Última modificação: Fevereiro 26, 2024, 01:17:24 pm por pdnf »
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

O Bigode do Sala

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 798
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #24 em: Fevereiro 26, 2024, 01:48:10 pm »
Em jeito de balanço, gostei do debate.
Foi cordial entre todos, provando que a rádio é um meio especialmente diferente.

Acho que os 4 moderadores tiveram bem, destacando a Natália Carvalho que soube gerir tempos e inícios de atropelos e o Rui Pedro Antunes que, mesmo sendo algumas vezes advertido pela colega supracitada sobre os tempos, esteve preparado e trouxe ao debate alguma leveza sem cair no vazio.

A meio do debate, desliguei a miniatura com o vídeo do debate e apenas o escutei, para sentir o que é de facto um debate na rádio.

Apesar de não achar correcto dar notas, obviamente que tecerei uma consideração negativa a André Ventura por ter falhado ao debate. Mesmo estando a Norte, podia se deslocar aos estúdios da RTP, TSF e Rádio Renascença no Porto, ou ao Centro de Emissão Regional da RTP de Bragança, caso lhe fosse mais conveniente.
No geral, foi um debate que, devido aos protagonistas políticos, não proporcionaram nenhuma novidade relevante que fizesse um eleitor optar por uma ou outra proposta. Daria um grande empate a todos, não houve nenhum que se destacasse ou que estivesse pessimamente.
A rádio por não estar tão sujeita ao mediatismo, trouxe novos temas, que não rendem tanta audiência, nomeadamente a Pobreza, Segurança Social, Política Externa, Sistema Eleitoral e Uso de Telemóveis nas Escolas.

Achei q.b. deselegante o ligeiro aparte que referes da Natália Carvalho ao Rui Pedro Antunes, um tanto de paternalismo da decana Antena 1 sobre a Observador.

Quanto à participação do André Ventura, parece que foram as rádios que recusaram que este se deslocasse a um dos estúdios na cidade do Porto, e nisso, estiveram mal, dado que na TV abriram essa possibilidade ao Luís Montenegro.

Sobre o reparo, o que achei mais deselegante foi a via da Natália Carvalho estar levantada. O reparo foi pertinente pois o Rui Pedro estava a desvirtuar os tempos. O errado está é na passagem desse reparo em antena e acredito que a própria Natália não sabia que tinha a via aberta.

Quanto ao último tópico: careço dessas informações, mas caso isso seja verdade, sim, as rádios tiveram mal.
Contudo, aposto mais na teoria de que «a rádio pouco importa».
«O que acontece no Mundo é que toda a gente que nasce, nasce de alguma maneira poeta! Inventor de algo que não havia no Mundo antes de eles nascerem!
E inteiramente individual: cada um poeta que é!»

Agostinho da Silva

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5460
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #25 em: Fevereiro 26, 2024, 02:19:09 pm »
Quanto ao último tópico: careço dessas informações, mas caso isso seja verdade, sim, as rádios tiveram mal.
Contudo, aposto mais na teoria de que «a rádio pouco importa».

https://observador.pt/2024/02/25/chega-nao-vai-estar-presente-do-debate-das-radios-esta-segunda-feira/

A própria Observador confirma que existiu esse pedido em janeiro. Efetivamente, também parece que o Chega não se manifestou muito incomodado. Parece que nenhuma das partes tinha muita vontade de ali estar, mas realmente, não custava terem permitido tanto a ele quanto ao Montenegro essa entrada em direto. O líder do PSD também veio do Porto, até chegou atrasado por causa disso. É mais um bocadinho do centralismo do costume.
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

Atento

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5880
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #26 em: Fevereiro 26, 2024, 03:02:29 pm »
Quanto ao último tópico: careço dessas informações, mas caso isso seja verdade, sim, as rádios tiveram mal.
Contudo, aposto mais na teoria de que «a rádio pouco importa».

https://observador.pt/2024/02/25/chega-nao-vai-estar-presente-do-debate-das-radios-esta-segunda-feira/

A própria Observador confirma que existiu esse pedido em janeiro. Efetivamente, também parece que o Chega não se manifestou muito incomodado. Parece que nenhuma das partes tinha muita vontade de ali estar, mas realmente, não custava terem permitido tanto a ele quanto ao Montenegro essa entrada em direto. O líder do PSD também veio do Porto, até chegou atrasado por causa disso. É mais um bocadinho do centralismo do costume.

Os debates têm de ser feitos "in loco" e não à distância.

Excecionalmente pode ser como aconteceu com Montenegro, pois RTP, Raimundo e Montenegro concordaram com esse debate à distância.

Montenegro é  Montenegro.

Ventura é uma espécie de figurante palavroso...
« Última modificação: Fevereiro 26, 2024, 03:04:19 pm por Atento »

radiokilledtheMTVstar

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3609
  • "Quintão e Costa, a dupla que o povo gosta!"
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #27 em: Fevereiro 26, 2024, 09:00:55 pm »
É incrível como o debate de hoje é descriminado nos noticiários só por ser o das rádios. Na SIC apenas às 20h30, na RTP a maior peça às 20h53... Depois temos um grupo Renascença ajoelhado aos pés de uma SIC falida. Assim nunca vamos sair da cepa torta.

Julio Carvalho

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3745
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #28 em: Fevereiro 26, 2024, 09:28:28 pm »
Ajoelhado? Isso deve ser para rezar...
A Antena 1 também não estaria ajoelhada?

O Bigode do Sala

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 798
Re: Eleições Legislativas 2024
« Responder #29 em: Fevereiro 27, 2024, 09:43:24 am »
É incrível como o debate de hoje é descriminado nos noticiários só por ser o das rádios. Na SIC apenas às 20h30, na RTP a maior peça às 20h53... Depois temos um grupo Renascença ajoelhado aos pés de uma SIC falida. Assim nunca vamos sair da cepa torta.

Sabes o que te digo?
A rádio é camaleónica. A tua alcunha aqui no grupo advoga uma teoria que, felizmente, se provou falsa.
Ontem foi a prova provada que a rádio, seja em linear, seja em diferido e a pedido, é muito relevante e continuará a sê-lo. :)
«O que acontece no Mundo é que toda a gente que nasce, nasce de alguma maneira poeta! Inventor de algo que não havia no Mundo antes de eles nascerem!
E inteiramente individual: cada um poeta que é!»

Agostinho da Silva