Autor Tópico: M80  (Lida 33200 vezes)

pdf

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 716
Re: M80
« Responder #375 em: Junho 16, 2024, 12:34:10 pm »
É o que dá a falta de uma verdadeira concorrência...
Agradeçam ao Montez não ter simplesmente arranjado um outro nome para a Nostalgia e ter partido para uma rádio que não ficará na história.

Enviado do meu 21091116UG através do Tapatalk

A Nostalgia da era Montez podia ser um produto melhor, mas não fazia frente à M80.
A RRS faz muita diferença.

Agora sim, faz falta uma verdadeira rádio de clássicos em Portugal.
Contudo, creio que o segredo do sucesso da M80 ser o facto de não estar circunscrita à década de 80.
Essa foi a razão do fim da mãe espanhola.

Agora, D.A.M.A.? Há o mínimo de padrões!
A irmã espanhola não acabou, só mudou de nome…


Enviado do meu iPhone usando o Tapatalk
Diga-se que a M80 já devia ter feito o mesmo em Portugal, e migrado para a designação Comercial Clássicos, aproveitando até a força da marca mãe.

Já disse isso algumas vezes ao AG. Assim a M80 Portugal parece uma filha órfã.

estvmkt

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 2240
Re: M80
« Responder #376 em: Julho 13, 2024, 09:45:52 pm »
Festa M80 em Viseu...
Nao desdobram emissão nos 95.6

pdnf

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 5467
  • Foi a Rádio que fez Abril!
Re: M80
« Responder #377 em: Julho 14, 2024, 03:31:43 am »
Festa M80 em Viseu...
Nao desdobram emissão nos 95.6
Ahahahah...  ;D ;D A Bauer é uma máquina em piloto automático, salvo raras exceções. Esse tipo de eventos podem ser retransmitidos. É desleixo, mesmo!
Rádio é:
Ir ao fim da Rua, a ligar Portugal, aconteça o que acontecer.
Mais música nova para sentir (e decidir).
Estar no carro, em casa, em todo o lado, só se quiseres.
Saber que se a vida tem uma música, ela passa-a.
É a arte que toca, mais do que música...PESSOAS. Ah, and all that "unique" soul.

Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3086
Re: M80
« Responder #378 em: Julho 17, 2024, 04:29:26 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.

Boxx

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 938
Re: M80
« Responder #379 em: Julho 17, 2024, 10:12:26 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.

Terence Trent D’Arby, será?


Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3086
Re: M80
« Responder #380 em: Julho 17, 2024, 10:30:32 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.

Terence Trent D’Arby, será?

 ;D isso mesmo, tens toda a razão, como aliás sempre conheci, não sei porque é que disse diferente aqui (e porque é que está diferente no Spotify, já agora)!

Luis Carvalho

  • Administrator
  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 1413
  • Façam a TSF Grande Outra Vez!
Re: M80
« Responder #381 em: Julho 17, 2024, 10:33:56 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.

Terence Trent D’Arby, será?

Sananda Maitreya é o novo nome legal (oficial) do artista anteriormente conhecido pelo nome artístico Terence Trent D'Arby, cujo nome legal era Terence Trent Howard antes de mudar para o Sananda. Todavia, para todos os efeitos, Sign Your Name continua a ser uma música do Terence Trent D'Arby.
Cumprimentos,
Luís Carvalho

Administrador do "Fórum da Rádio"

Luís Gonçalves

  • Sr. Member
  • ****
  • Mensagens: 148
Re: M80
« Responder #382 em: Julho 17, 2024, 10:45:53 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.
No mundo do áudio, o problema corrige-se a montante para não quebrar a cadeia psicoacustica do processador. Ou seja, tudo o que são equalizadores ou dsps estragam o trabalho do processador e os anos de estudo que estão ali embutidos. Os Orban são excelentes equipamentos, mas se caírem nas mãos erradas podem estragar o áudio completamente, e parece-me o caso.. Se não se percebe de processamento de áudio, o melhor é escolher um preset de fábrica que se adeque, ou deixar a tarefa para um profissional

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.
Luís Gonçalves

Memorias da Radio

  • Hero Member
  • *****
  • Mensagens: 3086
Re: M80
« Responder #383 em: Julho 17, 2024, 11:07:56 pm »
M80 no online com som saturadíssimo nos agudos nalgumas músicas e com problemas de compressor... a mais.

O som vem abaixo nos graves no Sign Your Name do Sananda Maitreya (creio que se deve escrever por aqui, não fui ver) e no Como Uma Onda dos Pólo Norte, há uns afundanços percetíveis em músicas mais densas e não há expansão estéreo que as compense. Está um som bastante "quadrado".

Em FM está bom mas não podiam mandar isto assim para o online, tinham que meter um contrapeso a corrigir isto na cadeia de som antes do envio.

Terence Trent D’Arby, será?

Sananda Maitreya é o novo nome legal (oficial) do artista anteriormente conhecido pelo nome artístico Terence Trent D'Arby, cujo nome legal era Terence Trent Howard antes de mudar para o Sananda. Todavia, para todos os efeitos, Sign Your Name continua a ser uma música do Terence Trent D'Arby.

o belo esclarecimento, obrigado Luís!  8)
Será Terence Trent D'Arby, está fechado.

No mundo do áudio, o problema corrige-se a montante para não quebrar a cadeia psicoacustica do processador. Ou seja, tudo o que são equalizadores ou dsps estragam o trabalho do processador e os anos de estudo que estão ali embutidos. Os Orban são excelentes equipamentos, mas se caírem nas mãos erradas podem estragar o áudio completamente, e parece-me o caso.. Se não se percebe de processamento de áudio, o melhor é escolher um preset de fábrica que se adeque, ou deixar a tarefa para um profissional

Infelizmente. E a alteração da equalização começou a acontecer depois da compra da Bauer ter sido oficializada. Não sei se foram ordens de cima para tornar o som mais comercialmente agressivo, mas... na minha opinião ou puxaram demais, ou veio a piorar com o tempo.

Ainda esta tarde ouvia a Smooth e numas colunas banalíssimas, sem graves, conseguem quebrar o som com... graves? Era bem distinguível o excesso de graves, localizados talvez nuns 20 Hz ali no intermédio dos graves. Eu sei que se quer dar um som envolvente, mas tem que se ter cuidado...